02/02/2018 - 17h31
Por Assessoria de Comunicação SESAPI - secsaudepi@gmail.com

Areolino de Abreu realiza prévia “Loucos por carnaval”

Ação reforça os vínculos entre paciente e sociedade

Tamanho da fonte  
James Almeida Areolino de Abreu realiza prévia “Loucos por carnaval”

Serpentinas, glitters, banda de música, marchinhas e as majestades do carnaval.  Além de alegria, sorrisos, danças e folias, foram com esse espírito festivo que os pacientes internados no Hospital Areolino de Abreu tiveram hoje, 2, a primeira prévia carnavalesca “Loucos por carnaval”. Como parte do tratamento psiquiátrico, a promoção de eventos de forma continuada é uma das estratégias para qualificar a humanização do tratamento e intensificar os cuidados aos pacientes, reforçando os vínculos com a sociedade.

O diretor geral do Hospital, psiquiatra Ralph Trajano, explica também que atividades lúdicas contribuem para a orientação espacial, além do contato com a sociedade. “Para os pacientes com longa permanência no Hospital, é necessário que se façam atividades do momento atual, das datas comemorativas, pois ajudam a manter a orientação espacial, o contato com a sociedade, que muitas vezes é responsável por eles ainda estarem aqui”. 

O médico afirma também que “as terapias médicas e psicológicas se combinem com as terapias sociais, como essas atividades, e a participação de entidades, outros grupos da comunidade para que eles não percam vínculo social por completo”. 

Manter e reforçar os vínculos significam também envolver familiares e amigos tanto na organização como na festa em si. Antes de cair na folia, há uma grande concentração para decorar o espaço e escolher as majestades do carnaval, como relata o educador físico Carlos Alberto Lima. “Nós tivemos toda uma preparação para esse momento, com prévias para a escolha do rei e da rainha do carnaval. Eles tiveram com as educadoras artísticas, de oficina de artes, com confecção de máscaras e colares, a ornamentação do espaço, atividades que, por excelência, é um momento oportuno como recurso terapêutico para eles”. 

O educador físico conta que, logo nos preparativos, “o paciente tem uma segurança em manifestar seus sentimentos, melhor integração com outros pacientes, com os funcionários e os familiares”, terapia também para resgatar os padrões comportamentais anteriores ao da doença.

Mais de 80 pacientes participaram da prévia carnavalesca, que carinhosamente foi chamada “Loucos por Carnaval”, expressão para quebrar estigmas e romper preconceitos. Afinal, quem não é louco por carnaval? 

O Rei e a Rainha do carnaval de Teresina, Banda 16 de Agosto e a Escola de Samba Sambão participaram da festa de Momo do Areolino, que na próxima sexta, dia 9, mais uma vez vai entrar na avenida, com a Banda da Polícia Militar.

Por Graciene Nazareno, com informações de James Almeida

 


Comente!


19/02/2018 as 16:37h

Neurocirurgia em Floriano reduziu 50% das transferências para Teresina

Serviço completou um ano de implantaçãol no sul do Estado 

19/02/2018 as 12:29h

Hospital de Luzilândia inaugura ampliação do centro cirúrgico

Além de receber equipamentos do Renova Saúde é uma ambulância

18/02/2018 as 10:02h

Trabalho da Evangelina volta a ser destaque em rede nacional

Nos últimos seis meses a maior Maternidade pública do Estado já foi notícia nacional três vezes

18/02/2018 as 09:58h

Hospital de Luzilândia recebe equipamentos e autorização para iniciar licitação da reforma  

Com os novos equipamentos, o Hospital vai realizar procedimentos de alta complexidade

16/02/2018 as 15:11h

Piauí mantém redução de casos de dengue

Dados apontam redução de 34,5% dos casos

16/02/2018 as 12:39h

HGV realiza mutirão ortopédico neste sábado (17)

Os mutirões em diferentes áreas médicas já beneficiaram cerca de 3.050 pessoas.